@@ Desde Música a Astronomia !Da História a Arte antiga e Contemporânea,Ecologia e Meio Ambiente,Consciência Global,Notícias e também Vídeos sobre vários temas e Jogos! @@

Postagens populares !

Curtir no Facebook

Blogosfera amigos !

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

Maior roedor que já existiu!

Ilustração do Josephoartigasia monesi
Mesmo com novo cálculo, roedor ainda é o maior já descoberto
Um fóssil de um roedor descoberto no Uruguai e apontado por cientistas como o maior que já existiu pode ter sido bem menor do que o calculado.
O crânio do Josephoartigasia monesi, que mede cerca de 50 centímetros de comprimento, foi descoberto por um paleontólogo amador há vários anos, na região do Rio da Prata. O roedor teria vivido na região entre 2 e 4 milhões de anos atrás.
Em janeiro de 2008 cientistas calcularam que ele pesava uma tonelada, mas novas estimativas afirmam que ele poderia ter pesado apenas um terço deste peso.
Virginie Millen, cientista da Universidade McGill, em Montreal, Canadá, afirmou que os modelos matemáticos usados para calcular a massa corporal do roedor a partir de seu crânio provavelmente superestimaram seu tamanho.
"O problema da extrapolação é considerado uma das maiores fontes de erro que leva cientistas a superestimarem a massa corporal (de um animal)", afirmou.
"O Josephoartigasia monesi é, certamente, o maior roedor já descrito. Mas, com base nestes cálculos, sua massa corporal pode ter sido de 350 quilos", acrescentou.
Os detalhes da nova descoberta foram publicados na revista especializada britânica Proceedings of the Royal Society, Biological Sciences.
Estimativas
O fóssil permaneceu durante três anos no Museu Nacional de História Natural e Antropologia, na capital uruguaia, Montevidéu, até que fosse analisado e descrito em janeiro de 2008 por uma equipe de pesquisadores uruguaios.
A equipe analisou diferentes parâmetros do crânio e chegou à conclusão de que sua massa corporal estimada poderia variar entre 468 quilos e 2.586 quilos, com um valor médio de 1.211 quilos.
Virginie Millen decidiu recalcular estas estimativas de tamanho, usando uma amostra maior de roedores para comparação e fazendo vários ajustes ao método matemático usado pela equipe original.
Várias das estimativas resultantes foram menores do que os cálculos originais, mas algumas são maiores.
Resposta
Rudemar Ernesto Blanco, um dos integrantes da equipe do Instituto de Física de Montevidéu, defendeu os resultados anunciados por sua equipe em janeiro.
O cientista destacou que o valor médio de 900 quilos, apontado por Virginie Millen, não é tão diferente da estimativa média de 1.211 quilos calculados pela equipe uruguaia.
"Os métodos dela (Millen) provavelmente são mais precisos, mas nossas conclusões são bem parecidas", escreveu Blanco na revista Proceedings of the Royal Society, Biological Sciences.
"Com uma quantidade tão grande de incertezas, uma diferença de 25% dos valores não é muito grande", afirmou.
Blanco também criticou a ênfase colocada pela pesquisadora da Universidade McGill no número mais baixo, de 350 quilos, quando a análise de Millen sugere que a massa corporal do roedor pode ter chegado a 1,5 tonelada.
A capivara (Hydrochoerus hydrochaeris) é o maior roedor dos nossos dias, mas é muito menor do que o seu possível parente pré-histórico: tem apenas 1,5 metro de comprimento e só chega a pesar cerca de 60 quilos.
Fonte:BBC

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nuvem de Tags

Assista meu canal musical no Youtube!