@@ Desde Música a Astronomia !Da História a Arte antiga e Contemporânea,Ecologia e Meio Ambiente,Consciência Global,Notícias e também Vídeos sobre vários temas e Jogos! @@

Postagens populares !

Curtir no Facebook

Blogosfera amigos !

terça-feira, 15 de abril de 2008

Planeta resiste a expansão estelar e dá esperança à Terra !

Desenho do planeta V 391 Pegasi b
Com a expansão estelar, planetas próximos são engolidos
Astrônomos descobriram um planeta que conseguiu sobreviver à expansão da estrela de seu sistema solar, um fenômeno que ocorre quando o astro começa a morrer e que um dia irá ocorrer com o Sol – ameaçando a própria Terra.

O planeta V 391 Pegasi b - que fica na constelação de Pégaso, a cerca de 4,5 mil anos-luz (aproximadamente 4,25 quatrilhões de quilômetros) da Terra -, é o primeiro encontrado pelos cientistas que resistiu à transformação da estrela de seu sistema em "gigante vermelha".

A descoberta, anunciada em artigo da revista Nature, foi feita pelo projeto Whole Earth Telescope (WET), de que participam acadêmicos que usam observatórios em todo o mundo para monitorar constantemente o espaço.

"Nosso próprio Sol vai passar pela fase de 'gigante vermelha' dentro de cerca de cinco bilhões de anos, quando Mercúrio e Vênus serão engolidos", disse Don Kurtz, cientista da University of Central Lancashire da Grã-Bretanha, um dos participantes do projeto.

"Nossas observações mostram como a Terra pode sobreviver à fase 'gigante vermelha' do nosso próprio Sol. Entretanto, ela não vai estar em estado adequado para que haja vida, vai estar muito quente", completou.

Aldebarã

As estrelas viram “gigantes vermelhas” quando o hidrogênio normalmente usado pelo astro em suas reações nucleares se esgota, e ele se expande, engolindo os corpos celestes ao redor dela.

Nesse processo, a estrela adquire uma coloração avermelhada e fica muito maior. No céu do Brasil, é possível encontrar astros que passaram pelo processo, como a estrela Aldebarã, da constelação de Touro.

Segundo os cientistas, as grandes dimensões do V 391 Pegasi b, descoberto recentemente, pode ajudar a explicar sua sobrevivência ao processo.

A distância entre o novo planeta e sua estrela-mãe aparenta ser mais ou menos a mesma que separa a Terra do Sol.

Entretanto, o V 391 Pegasi b tem três vezes o tamanho de Júpiter (o maior planeta do sistema solar, apenas mil vezes menor do que o Sol).

0 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nuvem de Tags

Assista meu canal musical no Youtube!